Safra de cereais em 2018 deverá ser 8,9% menor que a de 2017, diz IBGE

Campo Grande (MS)- A safra de cereais, leguminosas e oleaginosas do país em 2018 deverá ser 8,9% menor que a de 2017.

A estimativa é do IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, que divulgou nesta quinta-feira o primeiro prognóstico da safra para o ano que vem.

De acordo com o levantamento, deverão ser colhidas em torno de 220 milhões de toneladas, cerca de 21 milhões a menos do que a expectativa de produção para este ano.

São esperadas quedas nas três principais lavouras de grãos do país: soja (-6,3%), milho (-14,4%) e arroz em casca (-6,8%)

O IBGE prevê, ainda, um recuo na produção de algodão herbáceo em caroço. Dentre as cinco principais lavouras, apenas o feijão em grão deverá ter aumento na safra do próximo ano, de 1,3%.

O Instituto indica quer essa queda deve acontecer nas cinco regiões do país, com a maior taxa sendo registrada no Sul, seguido pelo Centro Oeste, Nordeste, Sudeste e Norte.

O IBGE também divulgou a estimativa para a safra de cereais, leguminosas e oleaginosas de 2017. De acordo com a décima estimativa, divulgada nesta quinta-feira, a colheita total deverá fechar o ano com resultado 30% maior que em 2016: nada menos do que 241 milhões de toneladas, ou 55 milhões de toneladas a mais do que no passado.

Entre as principais lavouras, são esperadas altas de 19,4% na safra de soja e de 16% na de arroz. Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here