OUÇA: H. Trauma deve ter 300 servidores e despesa de R$ 7 milhões por mês.

Campo Grande(MS) – A unidade de saúde é planejada a 23 anos   e ideia era construir uma  maternidade, o  projeto que foi modificado. As obras pararam pela última vez em 2013. E retomada  em janeiro de 2016 e nesta nova etapa, o valor licitado foi de R$ 8 milhões  e  701 mil  a  Poligonal Engenharia apresentou proposta de R$ 8. Milhões  440 mil  .

A unidade do trauma da Santa Casa  deve começar a funcionar em 45 dias.  A informação foi divulgada na quinta feira  pelo secretário de Estado de Saúde, Carlos Coimbra.  Já direção da Santa Casa acha que a unidade so deve funcionar no segundo de semestre. Coimbra comentou que a solicitação junto ao Ministério da Saúde de suplementação de R$ 10 milhões para o plano operativo e do custeio da unidade já foi encaminhada. Isto deve garantir que a unidade comece a funcionar antes do segundo semestre. Cleunice Albres  que faz  parte da direção do Conselho Estadual de Saúde informa que o custeio da Unidade do Trauma deve ser de aproximadamente R$  7 milhões de Reais por mês .

Serão aproximadamente trezentos servidores em movimentação na unidade. A representante do Conselho de Saúde lembra o  dinheiro  para  custeio do hospital, vai  depender do preço da tabela do Sistema Único de Saúde.

Ouça, Cleunice Albres, primeira secretaria do Conselho Estadual de Saúde. Foram investidos  32 milhões , sendo R$ 20 milhões referente a estrutura que ficou parada desde os anos 90 e R$ 12 milhões referentes aos últimos repasses do Ministério da Saúde. A entrega do prédio será as 10 horas da manhã de domingo em Campo Grande, o ministro da Saúde Ricardo Barros deve participar da solenidade.

 

João Flores Junior

Foto Paulo Ribas/ Correio do Estado.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here