PM mata 4 , sendo dois adolescentes que tentaram enviar arma e droga para presídio.

Campo Grande(MS) – Quatro bandidos de uma quadrilha foram baleados,   ao meio dia  quinta-feira (12), no momento em que tentavam arremessar drogas e armas para a área interna do presídio de Três Lagoas. Segundo a Polícia Militar, denúncias anônimas levaram as equipes a localizarem o quarteto, que estava escondido nos arredores do presídio. Ao verem os integrantes da Força Tática, eles iniciaram o tiroteio e foram baleados no revide.  A quadrilha chegou a ser socorrida pelos PMs a um hospital na região central da cidade, mas não sobreviveu.

A polícia não informou  a quantidade de armas e drogas apreendidas. Até agora, a Polícia Civil apura a participação do bando em crimes de assaltos ocorridos em chácaras e sítios nas cercanias da BR-158 que podem ter sido cometidos pelos bandidos, já que as características  coincidem.

Foram identificados 3 dos 4 mortos em confronto com a Polícia Militar de Três Lagoas, nesta quinta-feira (12), nas proximidades do presídio masculino da cidade. Todos têm menos de 20 anos e apenas um segue identificado apenas por um apelido. Os mortos identificados são,  Marlon Farias da Silva, de 17 anos, e os irmãos Matheus Batista Rodrigues, de 17, e Maicon Willian Rodrigues Guimarães, de 20. O último é conhecido por “Val”. Os nomes foram dados por parentes, na porta do Imol (Instituto Médico e Odontológico Legal). A direção do instituto e a Polícia Civil não deram informações oficiais sobre as mortes. Também não há informação se os mortos tinham passagens pela polícia. A Polícia Militar afirma que os quatro foram flagrados em uma rua próxima ao presídio masculino da cidade e que estariam com revólveres calibres 38 e 32, além de tabletes de maconha. A quantidade ainda não foi divulgada. Eles teriam plano de lançar as drogas e armas sobre a muralha do presídio, a pedido de presos da unidade.

Da redação

Foto Divulgação.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here