Ouça: CAR vai planejar avanço sem prejudicar meio ambiente em Mato Grosso do Sul.

Campo Grande(MS) – Ednilson Queiróz relações públicas da Policia Militar Ambiental, PMA  avisa que ninguém consegue cometer crime na natureza sem ser descoberto, e que as entidades estão interligadas através da tecnologia.

Segundo ele,   em caso de crime contra a floresta, para o infrator a multa varia de R$ 1 mil  caso seja comprovado o desmatamento,  danificação da flora é de R$ 300 Reais por hectare e através de processo civil deve ser feita a  reparação ambiental.

Queiróz adverte que  ninguém fica impune. De acordo com a PMA, o  cadastramento ambiental rural, CAR  é o que precisava para preservar o meio ambiente no Brasil. Saiba  porque ouvindo a reportagem.

João Flores Junior

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here