Denuncia leva a polícia apreender arsenal que seria levado para Minas Gerais.

Campo Grande(MS) –  Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado e a Polícia Rodoviária Federal apreenderam nesta quinta-feira (21), armamento e munições que seriam levadas para Minas Gerais.O grupo do Ministério Público de Minas Gerais recebeu denúncia anônima de que o carregamento seria transportado pelas estradas de Mato Grosso do Sul com destino ao Estado, o que deflagrou a operação.O flagrante ocorreu na região de Ponta Porã, a 323 km de Campo Grande. Foram apreendidos 12 pistolas, 2 espingardas e 1.800 munições de diversos calibres.

Com medo de ser pego em barreira policial, traficante abandonou caminhão carregado com 4 toneladas de maconha. O veículo foi encontrado na quarta feira, pela Polícia Militar na área urbana do distrito de Pontinha do Coxo, em Figueirão – a 226 quilômetros de Campo Grande. No mesmo dia, outro caminhão foi abandonado com 3 toneladas de maconha na rodovia BR-163, em Rio Brilhante. Conforme a PM, barreira policial foi montada na estrada que liga Camapuã a Figueirão. A via passa no perímetro urbano do Distrito de Pontinha do Coxo.Horas depois do início da ação, policiais foram informados sobre um caminhão com placa de Campo Grande abandonado as margens da via. Conforme apurado no local, ao avistar a barreira o motorista desceu do veículo e fugiu em meio a uma mata existente na região. Em revista, militares encontraram tabletes de maconha em fundo falso na carroceria do veículo. Na sequência, policiais militares de Camapuã também encontraram um Corsa Sedan prata, abandonado perto de uma escola do distrito. A suspeita é que o carro era “batedor” da droga. Diante dos fatos os policiais militares conduziram o caminhão com a droga e o veículo Corsa, até a Delegacia da Polícia de Camapuã.

Da redação

Foto Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here