OUÇA: Moradores de Rio Verde protestam contra sanitário consorciado na cidade turística.

Manifestação aconteceu no fim de semana em Rio Verde.

Campo Grande(MS) – Moradores de Rio Verde de Mato Grosso fizeram uma manifestação contra a instalação de um Aterro Sanitário coletivo na cidade, que deve atender  19 cidades.  A manifestação aconteceu no fim de semana. A população foi as ruas para dizer não a proposta que segundo eles, transformar Rio Verde na capital do lixo da região norte do Estado.  Um dos articuladores  do Movimento é o advogado Pedro Francisco Luís Filho, de acordo com ele praticamente toda cidade é contra a instalação do aterro sanitário e explica porque.

O protesto, organizado pelos moradores reuniu autoridades, empresários, professores, estudantes. Eles temem que a cidade, conhecida pelo potencial turístico, seja prejudicada pelo projeto que, ainda segundo os organizadores do manifesto, precisa atender as determinações da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Pedro Filho denuncia que o aterro fica a mil metros do Hospital de Rio Verde

O assunto foi parar na Câmara de Vereadores de Rio Verde para discutir um projeto de lei para adequar a politica Nacional de Resíduos sólidos. Dois artigos foram tratados pelos vereadores, um deles determina que o aterro seja construído 20 quilometros da área urbana de Rio Verde.

De acordo com advogado Pedro Francisco Luís Filho, os resíduos de Rio Verde, se levados para outra região, devem contar com critérios estabelecidos e que não prejudiquem outras cidades.

Outro Lado; A direção do IMASUL – Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul informou a Rádiowerbms que não existe aprovação de licença ambiental para a instalação de nenhum aterro sanitário em Rio Verde ou região e o pedido ainda é analisado pelos técnicos da entidade.

João Flores Junior

Foto JP News.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here