OUÇA: Morador diz que Energisa implantou”ramal” em rede e deixou ruas as escuras.

Campo Grande(MS) – Evaldo Crisanto da Silva,  reclama que seis ruas do bairro José Teruel Neto, nas imediações do Dom Antônio  Barbosa, estão as escuras há mais de seis meses, ele reclama que a empresa de Energia Elétrica Energisa, informa que o serviço deve ser feito pela secretaria Municipal de Infra Estrutura da prefeitura de campo Grande, Seintra, e que o serviço estaria aberto mas sem prazo para ser realizado. O morador disse que a iluminação pública foi interrompida depois que os técnicos da Energisa fizeram a implantação de uma  tecnologia nova chamada de ramal na rede,  para descobrir furto de energia nas casas do  Jose Teruel.

De acordo com Evaldo nem a Seintra e nem a Energisa resolvem a falta de iluminação nas ruas do Jose Teruel em Campo Grande e culpa a concessionária pela escuridão.

De acordo com Evaldo são R$ 18,00 de taxa de energia cobrada  todos os  mêses  de moradores de  162 casas no Jose Teruel Neto. Uma das ruas que ficas as escuras e  Jose Zurutuza. O usuário reclama do péssimo serviço prestado pela concessionaria Energia elétrica.

A Rádiowebms,  ouviu, Evaldo Crisanto da Silva; Em Nota a assessoria de Imprensa da  concessionaria, esclarece que o planejamento, instalação e manutenção da iluminação pública são de responsabilidade das Prefeituras Municipais, bem como a definição de ampliações necessárias.

João Flores Junior

Foto Divulgação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here