Délia substitui Secretario de Fazenda preso pela Policia, investigado por fraude.

Campo Grande(MS) – Decreto publicado no Diário Oficial da prefeitura de Dourados, na quinta-feira (1/11) nomeou interinamente o secretário municipal da Fazenda, Carlos Augusto de Mello Pimentel, que era adjunto da pasta. A troca, assinada pela prefeita Délia Godoy Razuk (PR), ocorreu um dia depois do titular da secretaria, João Fava Neto, ser preso pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul, por suspeitas de fraudes em licitações. Fava é pai da mulher do deputado estadual eleito Neno Razuk, do PTB, que é filho da prefeita.

No dia da operação – quarta-feira (31) – Délia estava em Brasília e,  oficialmente, ela não tinha comentou  o caso. Investigadores do caso foram ao prédio  da prefeitura e, lá, apreenderam documentos. O MPE não detalhou a operação conhecida como Pregão que mandou para a cadeia quatro pessoas: Fava, Anilton Garcia de Souza, que preside a Comissão Permanente de Licitação da prefeitura, Messias José da Silva, empresário na cidade e ainda a vereadora Denize Portolann, do PR.

A vereadora, professora, que até o início deste ano comandava a secretaria de Educação do município, havia assumido o mandato em setembro, mês passado, no lugar do ex-prefeito da cidade, o então vereador Braz Melo, que foi condenado judicialmente por improbidade administrativa. O MPE divulgou que a operação investiga um esquema de fraude em licitações promovidas pela prefeitura. Políticos, empresários e servidores públicos estariam implicados na questão.

 

 

João Fava é sogro de filho da prefeitura Délia Razuk(PR).

Da redação

 

 

 

 

Foto Divulgação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here