OUÇA: Candidatos denunciam quebra de sigilo e irregularidades em concurso da Funrio

Campo Grande(MS) –  Concurso promovido pelo Governo do Estado no último domingo foi tema de preocupação  do deputado Pedro Kemp (PT), em fala  sessão desta terça-feira (18), na Assembleia Legislativa. O certame, realizado pela empresa FunRio, prevê o preenchimento de mil vagas para professor efetivo na Rede Pública Estadual.  Kemp listou dentre as reclamações recebidas: desorganização entre fiscais, celular tocando durante a prova, pessoas ainda entrando em sala após o início da prova, questão de prova com impressão ruim, questão de prova com alternativa destacada de forma a induzir a reposta, ilustração com pouca visualização e duas pessoas supostamente com gabaritos já preenchidos

O líder do governo na assembleia deputado Rinaldo Modesto,  anuncia tratativa com  Secretaria de Educação e da empresa que fez o Certame Funrio  para que ouça as denuncias sobre a realização do certame.O concurso foi realizado para o preenchimento de vagas em diversas áreas, com carga horária de 20h semanais e remuneração de R$ 2.878,63 a R$ 3.166,49, a depender da formação.  De acordo com a Subsecretaria de Comunicação do Governo, A Secretaria de Administração, SAD deve publicar nota sobre o caso.

Da redação

Foto Divulgação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here