Ouça: Coringa se diz discriminado por ser negro e comenta descaso de R. Maia

Campo Grande(MS) – O ex  vereador,  Ademar Vieira Junior(PSD), conhecido Coringa, que ocupa mandado de deputado Federal  por 30 dias, em Brasília, desabafou em entrevista concedida ao Jornal O Estado. Em vídeo publicado pela assessoria do vereador ele aparece em solenidade de posse com o presidente Rodrigo Maia, (DEM), que usava camiseta verdade e de calça de Moleton e na posse para os mesmos cargos, para a Carla Estafanini e  do Pastor Isaias Bitencurt, Rodrigo Maia usou terno e gravata. Para Coringa, a simbologia maior é o cargo. E acha que o presidente da Câmara foi deselegante com ele

O deputado Federal disse ser símbolo de resistência e presidiu entidade de  Direitos Humanos na prefeitura de Campo Grande. Coringa anunciou projetos em favor da comunidade Quilombolas e indígenas. Sobre a movimentação de mais de R$ 100 mil  em remuneração o deputado anuncia que vai doar parte de seu salário para o Hospital de Câncer Alfredo Abrão.

No final da entrevista, Ademar Vieira Junior,  disse que não sabe se volta a direção da coordenação de direitos Humanos da prefeitura de Campo Grande e que sua meta é trabalhar.

Da redação

Foto Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here