OUÇA: Após corte de 22 mil beneficiários, Governo do Estado anuncia mudanças no Vale Renda

Campo Grande (MS)-  Depois de cortar quase metade dos benefícios por fraudes, o governo do Estado publicou em Diário Oficial  novas regras para o programa Vale Renda, que paga R$ 180 reais por mês a famílias em situação de vulnerabilidade social.

O programa atende famílias com renda per capita de até meio salário mínimo ou seja, R$ 477 reais. Agora, conforme o decreto do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), os requisitos e os critérios específicos para a inscrição no Vale Renda serão estabelecidos pelo órgão gestor estadual responsável pela Política Pública de Assistência Social.

Uma das mudanças é o tempo de permanência no programa de transferência de renda: são 12 meses, com possibilidade de prorrogar por igual período. O prazo máximo só será estendido com parecer técnico. Nesta semana, o governo anunciou o corte de 22 mil dos 45 mil benefícios após constatar irregularidades. Entre elas, famílias com renda de até R$ 6 mil reais.  Elisa Cleia Nobre, secretária de estados de direitos humanos comenta.

SONORA

Com o cruzamento de dados, também houve registro de famílias que recebiam benefícios duplicados como o Bolsa Família.

SONORA

O decreto ainda prevê a atualização cadastral das famílias, em conjunto com os Centros de Referência de Assistência Social, mediante a utilização do CadÚnico (Cadastro Único). As normas complementares devem ser publicadas dentro de 30 dias. O levantamento de outras irregularidades no programa continua, conforme Elisa Cleia Nobre.

SONORA

O Vale Renda foi instituído por lei estadual em 2009.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here