Ouça : Seiscentos casos de violência são registrados todos os meses em C.Grande

Campo Grande(MS) – De janeiro a Junho, 22 mulheres foram assassinadas pelos seus companheiros em Mato Grosso do Sul, para a delegada, Joilce Ramos, da  Casa da Mulher Brasileira,  para evitar que a situação termine em morte,  a mulher não deve aceitar o primeiro tapa; A delegada disse que  mulher tem medo de fazer a denuncia e a comunidade pode ajudar

Joilce Ramos disse ainda que geralmente a mulher reata o relacionamento com o agressor não avisa a policia ou retira o boletim de ocorrência  e na maioria da vezes, a mulher termina morta pelo companheiro.

Da redação

Foto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here