Ouça: Bando que distribuía droga sintética é preso pelas policias do MS e S.Paulo

Campo Grande(MS) – A Polícia Civil de Santa Fé do Sul (SP) e a Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes de Jales (SP) deflagraram na quinta feira , operação que desmantelou organização criminosa que distribuía drogas em várias localidades do Brasil.  A ação contou com o apoio das Polícias Civil de Paranaíba, Aparecida do Taboado e Fernandópolis (SP), da Polícia Militar de São Paulo e da Polícia Rodoviária Federal. Foram cumpridos 27 mandados expedidos pelo Poder Judiciário de Santa Fé do Sul, sendo 18 mandados de busca e apreensão e 09 mandados de prisão temporária. Quatro deles foram cumpridos em Paranaíba e um em Aparecida do Taboado.

Outros onze mandados foram cumpridos em Santa Fé do Sul e dois em Fernandópolis. sete pessoas foram  presas. segundo os  delegados de polícia,  Higor Vinicius Nogueira Jorge e Marcos Alberto Negrelli da Silva, da Polícia Civil de Santa Fé do Sul, responsáveis pela operação, os presos eram investigados desde o mês de janeiro de 2019 e, durante a investigação foi possível apreender grande quantidade de drogas sintéticas,  e  haxixe que era  vendido principalmente entre universitários. Há indícios  de que  os criminosos enviaram drogas sintéticas para as cidades   de  Paranaíba, Aparecida do Taboado, Ilha Solteira, Campinas, Rio Claro e para outros estados. Conforme a Polícia Civil, os traficantes mantinham distribuidores em diversos lugares, que ficavam responsáveis pelo recebimento e distribuição das drogas, principalmente em festas raves.

Operação teve inicio na quinta feira em várias cidades do MS e São Paulo.

Em uma das ações  feitas  pelos policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) de Santa Fé do Sul, em 22 de março de 2019, foram apreendidos no interior de uma transportadora de encomendas, mais de R$ 30 mil em drogas sintéticas. E de acordo com a Polícia Civil, nos últimos 12 meses a associação criminosa realizou  21 envios de drogas sintéticas por meio de transportadoras, arrecadando com o tráfico mais de R$ 600 mil. Com informações da Assessoria da DGPC – delegacia Geral de Policia Civil

Da redação

Foto Divulgação PC;

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here