Polícia faz operação Didelphis e mira remessa de cocaína de Corumbá para a capital

Campo Grande (MS) – Na manhã desta sexta-feira (13), em trabalhos que finalizam investigações iniciadas neste ano, a Polícia Civil deflagrou, por meio da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar),  a Operação Didelphis, para desarticular organização criminosa do tráfico responsável por remessas de cocaína de Corumbá para Campo Grande.Ações da operação Didelphis foram desencadeadas simultaneamente em Corumbá e Campo Grande, para cumprimento de 11 mandados de prisão e 16 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça em desfavor dos integrantes do bando.

Conforme a Polícia Civil, a cocaína despachada em Corumbá pela quadrilha, tinha como destino diversos pontos de droga da capital. O nome Didelphis faz alusão ao líder da organização criminosa, Tiago da Silva Cuellar, apelidado de Gambá, cujo nome científico é Didelphis.

A operação é coordenada pela Denar e conta com a participação de 48 policiais civis da especializada e da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras), Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos (Defurv), Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA) e da Delegacia Regional da Polícia Civil de Corumbá. A ação conta também com o apoio da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Militar de Corumbá.

Posteriormente serão repassadas maiores informações sobre a operação e será agendada coletiva de imprensa, para divulgar o balanço final dos trabalhos de investigação realizados pela Polícia Civil. Com informações da Assessoria de Imprensa da Delegacia Geral de Policia Civil

Da  redação.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here