Jair exonera Roberto Alvim por causa de fala nazista em pronunciamento

Campo Grande(MS) – Pronunciamento  divulgado em rede social na quinta feira dia 16 de Janeiro,  pelo secretário Especial de Cultura do Governo do presidente Jair  Bolsonaro, Roberto Alvim, onde ele anunciou o Prêmio Nacional das  Artes , e cometeu a gafe de ter citado trechos do ideólogo nazista       Joseh Goaebbels, e causou revoltas e protestos de vários setores da sociedade artística e Cultural,  quanto ainda   de diversas autoridades de todo o Brasil. O presidente da câmara dos Deputados, Rodrigo Maia(DEM) um dos primeiros a se manifestar, sugeriu que o  governo deveria promover o afastamento de Alvim. Até apoiadores de Bolsonaro como o Escritor Olavo de Carvalho, detalhou em seu perfil na rede social que ainda era cedo para julgar, mas que talvez Roberto Alvim não esteja muito  bem da cabeça….Veremos.

Depois de várias manifestações e criticas sobre a fala do Secretário, o presidente, Jair Bolsonaro em nota anunciada na tarde desta sexta  feira dia 17 de janeiro,  no Palácio do Planto confirma a exoneração do Secretario Especial de Cultura e destaca que mesmo com  as desculpas de Alvim, sua permanência no cargo ficou insustentável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here