Ouça: Depois de apontar falhas no Transporte TCE recua e favorece consórcio

Campo Grande(MS) – Trabalho de fiscalização do Tribunal de Contas do Estado realizado em um ano e seis meses constata várias falhas no serviço realizado pelo consócio Guaicurus no transporte coletivo da  capital;  Marcos Trad(PSD) lembra que o serviço de transporte obedece a um contrato realizado em 2012.

O preço da tarifa que era de R$ 3,95 passou para R$ 4.10 no dia 28 de dezembro passado. A direção do Consórcio questionou e pediu um aumento maior de R$ 4.25. O Conselheiro Valdir Neves do Tribunal de Contas, revogou o reajuste e apontou irregularidades. O prefeito volta a dizer que o reajuste foi técnico. As declarações do prefeito Marcos Trad foram feitas a TV Morena.

Depois de reunião na sede do TCE entre representantes do Consórcio Guaicurus, vereadores, e executivo municipal ficou decidido que o reajuste dado pela prefeitura é válido. Os  usuários do transporte coletivo ficaram revoltados com a manobra do TCE.

Da redação

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here