Ouça; Policia encontra cocaína em motel onde medica estava com empresário

Campo Grande(MS) – Laudo confirma  a presença de cocaína no quarto de motel ocupado pela veterinária, de 29 anos, que morreu depois de surtar e deixar o local  BR-262, na noite da última quinta-feira (17).  Ainda assim exames complementares serão feitos para comprovar a causa da morte. O laudo provisório deu positivo para cocaína,  revela o delegado Ricardo Meireles Bernardinelli, da 3ª Delegacia de Polícia Civil da Capital. Além dos exames, o depoimento de testemunhas   vai ajudar a saber o que  aconteceu na noite da morte. O empresário Rafael Valler, de 30 anos, filho do dono do Jornal O Estado, que acompanhava a empresária será ouvido Segundo o delegado.

A jovem surtou enquanto estava no quarto de motel,  as  20h de quinta-feira. Os gritos chamaram atenção de vizinhos e uma delas, que não quis se identificar, tentou ajudá. A veterinária dizia  que o homem iria matá-la e então ela saiu correndo para fora.  Momento,   em que a médica saiu correndo e quase foi atropelada na BR-262, mas o caminhoneiro conseguiu parar a. A vítima se negou a sair debaixo do caminhão. Segundo uma testemunha, a vítima estava visivelmente descontrolada  e que antes de morrer   disse que  a mãe dela não podia ver   vela  daquele jeito.  A mulher  chegou a receber socorro, mas morreu pouco depois. O caso segue em investigação.

Da redação

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here