OUÇA: Bernal quer aprovação de R$ 12 milhões para obras no Bálsamo, Segredo e Taquaral

Campo Grande(MS) – A prefeitura tem pressa em aprovar empréstimos de R$ 12 milhões  Junto a Caixa Econômica Federal, para contra partida em obras  e urbanizações nos córregos Bálsamo, Segredo e  Taquaral. De acordo com o prefeito Alcides Bernal são intervenções de infraestrutura, urbanização, recuperação de área degrada e equipamentos comunitários. O município tem 8 anos para pagar com juros de 10% ao ano. Abaixo da taxa celic que é de 14% e  dois anos de carência; Campo Grande requereu ainda mais R$ 28 milhões junto a Caixa para obras no Anhanduí e no projeto Pavimentação e Mobilidade em analise na Caixa. O prefeito diz que as obras devem beneficiar 80 mil famílias.

 

320 mil pessoas serão beneficiadas e com a aplicação do dinheiro e o serviço social será intensificado. No Balsamo área degradada será recuperada para levantar 482 casas do programa Minha Casa Minha vida. E Campo Grande pode contrair empréstimos.De acordo com o assessor jurídico da prefeitura, a lei de responsabilidade fiscal dispensa o impacto financeiro que o empréstimo teria nas contas da prefeitura. E que os projetos tratam da revisão de remuneração. Bernal lembra que os vereadores não aprovaram o empréstimos para o PNAFM  e que Campo Grande tem crédito. As explicações do prefeito Alcides Bernal foram feitas em entrevista coletiva cedida na tarde de segunda feira(10/05). Ouça a reportagem da Rádiowebms.

João Flores Junior

Foto; Eder Andrade/ Assessoria de Imprensa da prefeitura de Campo Grande.