Bandido é morto quando tentava roubar caminhonete na Br 163.

Campo Grande(MS) – Morto ainda não está identificado e  morreu na madrugada deste sábado (27/02), depois de roubar uma caminhonete Hilux na Avenida Fábio Zahram e trocar tiros com policiais do Batalhão de Choque durante tentativa de fuga. Segundo a polícia, o suspeito era   “experiente”, em razão de dirigir em alta velocidade, atirar contra a viatura e ainda conseguir recarregar o revólver. Assaltante só parou depois de capotar o veículo.

 

Segundo informações do delegado Hoffman Dávila Cândido e Souza, a vítima, que é um professor, de 40 anos, conversava com dois amigos na Avenida Fábio Zahram, quando foi abordado pelo bandido, que chegou a pé, com uma mochila nas costas. Segundo relato da vítima, o autor estava armado, porém com muita calma pediu a chave da caminhonete e prometeu não machucar ninguém. A vítima obedeceu e entregou as chaves. A Polícia Militar foi acionada e iniciou o bloqueio das principais saídas de Campo Grande, quando no acesso a Sidrolândia, próximo ao “lixão” da Capital, equipe de policiais militares do Batalhão de Choque identificou a caminhonete roubada e deu início à perseguição. O suspeito seguiu sentido à saída de São Paulo, pela BR-163, desobedecendo  parada. Em certo momento, o bandido fez menção em parar, porém só reduziu a velocidade e passou a atirar contra a viatura, chegando a quebrar o vidro traseiro da caminhonete. Ainda na BR-163, os policiais se aproximaram e em uma nova troca de tiros, conseguiram atingir o pneu traseiro da caminhonete, que capotou. Mesmo  depois do  acidente, o homem desceu do veículo atirando, quando foi atingido no peito, com dois tiros.Ele chegou a ser socorrido pela equipe policial e encaminhado ao Hospital Regional de Campo Grande, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Para o delegado, o autor saiu para assaltar e estava bem municiado. O crime foi registrado como homicídio decorrente de oposição a intervenção policial, posse ilegal de arma de fogo e roubo a mão armada. O revólver calibre .38 que estava com o bandido e as armas dos policiais foram recolhidas.

Da redação

Foto