Artistas querem saber quanto o FIC movimenta e cobram cumprimento de leis no Estado

Campo Grande(MS) – Audiência foi  proposta pelo fórum Estadual de Cultura do Estado  e a comissão de Educação, ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa.   O encontro deve reunir, artistas, técnicos, gestores, Trabalhadores, estudantes, professores e pesquisadores e representantes do Poder público para debater a situação da Cultura e  as perspectivas. A crise que afeta o Brasil,  e a falta de transparência nas politicas do FIC –  fundo de investimento Cultural, serão destaques na audiência como informa a presidente do Fórum Estadual de Cultura, Fernanda Teixeira. Fernanda cobra mais participação dos Parlamentares na aprovação de medidas que possam fortalecer o setor cultura do Estado.

 

Teixeira acha que o deputados  podem  desmembrar o setor da cultura,  da comissão de Educação Cultura e desportos, ciência e tecnologia do legislativo Estadual .Fernanda disse ainda que os artistas tem realização produção independente sem apoio do Estado. E que no interior a situação é mais difícil. Faltam entidades e recursos. Tanto Campo Grande como Estado são pioneiros em promover leis para a cultura, mas por causa da crise, a medida não é obedecida.  A audiência Pública sobre a politica  Cultural será as 13 horas na Assembleia Legislativa nesta  quinta feira, no parque dos Poderes em Campo Grande. 

 

Da redação